Mobile first | Arquitetura de Informação

Mobile first

Posted on junho 4, 2010 by Fabricio Teixeira

Luke Wroblewski defende em seu blog a ideia do “Mobile First”.

A ideia é simples e o argumento também: desenhe sua solução primeiro para mobile, depois para desktop. Esse exercício forçará o seu poder de síntese ao máximo e, ao transportar para a versão desktop do site, você já terá limado o excesso de conteúdo.

Segundo ele, o excesso de informação em grande parte dos sites se dá porque é relativamente fácil adicionar conteúdo na versão desktop.

“O mobile não deixa espaço para nenhum conteúdo de relevância duvidosa. Você precisa saber o que realmente importa. Para fazer isso você precisa conhecer bem os seus usuários e o seu mercado.”, afirma Luke.

Ele ainda dá um exemplo de site construído dessa forma:

Web first

Mobile first

Luke W. ainda lança outros argumentos para essa metodologia “mobile first”:

O mercado mobile está explodindo. A quantidade de usuários que transfere dados pelo celular triplicará até 2013.

A versão mobile te força a ter foco. Afinal, são apenas 320 pixels de largura para você brincar.

Mobile expande suas capacidades técnicas: GPS, user orientation, multi-touch, acelerômetro etc.

Os argumentos são interessantes, mas penso que não é sempre que vale a pena começar desta forma.

E você? Acha que funciona?

viaMobile first | Arquitetura de Informação.

Deixe uma resposta


− cinco = 0